quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Tulisses

Há blogues que visito amiúde por gostar das pessoas que os escrevem e daquilo que vão escrevendo. É público e assumido que sou fã do Felizes Juntos, responsável directo pela génese do Rabiscos e Garatujas. Há algum tempo que me tem visitado a vontar de falar das minhas outras intropatias. Hoje apetece-me falar do Tulisses. Acabo de passar por lá e encontrar uma promessa cumprida que eu gostei de ler.

Gosto do blogue por muitas razões, a começar pelo título. Sempre gostei muito dos jogos que a língua permite que se façam. Tulisses tem algumas tolices próprias da idade do jovem adulto que as escreve. São tolices palerminhas que me divertem e me fazem lembrar que já fui jovem e tola e do quão divertido era ser jovem e ser tola. Mas o blogue é, essencialmente, o relato da viagem do Tiago, qual Ulisses, pela vida que ele optou por reconstituir por palavras. Com um registo diarístico, o blogue mostra-nos a importância da Literatura para o Tiago. Ali desfilam as palavras de autores que adoro, como Mia Couto, Flaubert, Luandino Vieira, Nuno Júdice, Sophia, António Gedeão, José Gomes ferreira, Fiama, Alexandre O'Neill e Cecília Meireles, entre outros. Mas o Tiago não é só leitor. Para além de manter o blogue, o Tiago escreve a sério (pressuposto que escrever blogues não é coisa séria... que mal!). Prosa e poesia. E eu gosto.

Conheci o Tiago em Fevereiro ou Março deste ano. Inscreveu-se, como eu, no Seminário de Ensino da Literatura lá na FLUL. É calmo e calado. Mas quando fala, fala bem. Falhei a apresentação da sua leitura de um conto da Lídia Jorge que ele teve a gentileza de enviar por mail (Ser e ainda não ser: oscilação e iniciação em «O Belo Adormecido» de Lídia Jorge).
Gosto destas partilhas, porque é assim que eu vou aprendendo.

Do Tulisses, um post de que gostei particularmente, aqui.

2 comentários:

tulisses disse...

muito obrigado pelas palavras, pelo carinho, pela atenção. tenho andado ausente, mas volto. a sério. e muito obrigado.

Denise disse...

Estava a demorar e eu a ficar com uma certa preocupaçãozita. Volta depressa!